Brasil Acesso à Informação
quinta-feira, 27 de novembro de 2014 RSS Ouvidoria Fale com o Ministério
« Voltar Imprimir

Vale-Cultura

Ajude a aprimorar este benefício!

O Ministério da Cultura quer ouvir você sobre o Vale-Cultura. A partir do segundo semestre deste ano, os trabalhadores terão benefício de R$ 50 por mês para o consumo de produtos culturais.

O decreto de regulamentação será publicado nos próximos dias. Na sequência, o MinC baixará portaria para estabelecer as regras para sua utilização.

O Vale-Cultura poderá ser utilizado, por exemplo, em cinemas ou teatros e na aquisição de livros, CDs e DVDs.

A ministra Marta Suplicy tem cumprido agendas em diversas capitais do país, como Brasília, São Paulo e Curitiba para apresentar o Vale-Cultura e ouvir sugestões. Muitas outras cidades serão visitadas. 

Envie sua sugestão de outros produtos que você gostaria de consumir com seu Vale-Cultura. Dê sua contribuição em nosso site e nas mídias sociais. Tire suas dúvidas. Participe!

 

Vale-Cultura

Sancionado pela presidenta Dilma Rousseff em dezembro passado, o benefício será concedido prioritariamente aos trabalhadores com carteira assinada que ganham até cinco salários mínimos.

Dos R$ 50, apenas 10% poderá ser descontado do trabalhador. Os outros 90% ficarão a cargo das empresas, que poderão deduzir até 1% do imposto de renda devido.

O benefício será acumulativo, ou seja, o trabalhador poderá usar a sobra nos meses seguintes.

O Ministério da Cultura calcula que R$ 300 milhões serão injetados na cadeia produtiva do setor no segundo semestre.

Serão por volta de um milhão de trabalhadores atendidos nesse primeiro ano de implantação do Vale-Cultura. A ação vai beneficiar sobretudo as classes C, D e E.

(Ascom MinC)

 

Compartilhe:
  • Digg
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • MySpace
  • TwitThis
  • email
  • LinkedIn

Participação do Leitor

Espaço reservado exclusivamente para comentários acerca da matéria ou publicação veiculada nesta página. Solicitação de informações ou dúvidas devem ser encaminhadas por meio do Fale com o Ministério; reclamações ou denúncias devem ser dirigidas para Ouvidoria.

*

max. 1000 caracteres


Regras para comentários:

1. Os comentários terão moderação desta Assessoria de Comunicação.

2. Comentários que fujam ao teor da matéria serão excluídos.

3. Ofensas e quaisquer outras formas de difamação não serão publicadas.

4. Não publicamos denúncias. Nestes casos, serão enviadas à Ouvidoria, que as encaminhará aos órgãos cabíveis.

5. A postagem de comentários com links de matérias não produzidas por este ministério será excluída.

6. Respostas a questionamentos e esclarecimentos exigem consulta, impedindo-nos, por vezes, retorno imediato.



202 comentários

  • EDNA PEREIRA DE SOUZA

    27 de março de 2013

    Achei boa a ideia. Mas, seria bem melhor se não descontasse nada. Ou fiquemos com 50 reais sem desconto, então 45 reais!

  • Adilson

    27 de março de 2013

    Deveria expandir esse vale cultura para os estudantes de graduação e pós graduação que recebem bolsa. Tenho certeza que esse dinheiro seria melhor aproveitado, já que esse estudantes tem o interesse de serem mais qualificados para o mercado de trabalho e não podem trabalhar porque tem bolsas, consequentemente não terão direito ao benefício.

  • Marcelo Vieitez

    27 de março de 2013

    Excelente iniciativa! Sou estudante de literatura e recebo pouco para adquirir todos os livros que quero ou preciso. O fato do vale ser cumulativo é fundamental.

    Vou solicitar à empresa que me emprega a adesão. Não há motivos para recusar, todos saem ganhando.

  • Wender Júlio Xavier

    26 de março de 2013

    Em relação a ONG, pderia ser propicio tambem o vale-cultura?

    RESPOSTA: o benefício será concedido prioritariamente aos trabalhadores com carteira assinada que ganham até cinco salários mínimos. Enfatizamos que não é possível a inscrição ou o cadastro no Vale-Cultura pelo próprio trabalhador. A empresa contratante é que fará a adesão, beneficiando uma parcela considerável da população, aproximadamente 17 milhões de trabalhadores brasileiros.

  • Thiago A S Batista

    26 de março de 2013

    Este vale poderá ser utilizado para a aquisição de audiobook e entradas em museus?

    Grato.

    RESPOSTA: as regras de uso estão em fase de regulamentação.

  • Camila

    26 de março de 2013

    As empresas serão obrigadas a oferecer o Vale Cultura ?

    RESPOSTA: as empresas serão incentivadas a aderirem ao Vale.

  • Lucas Viana

    26 de março de 2013

    Sou um dos responsáveis pelo setor da cultura da minha cidade, gostaria de saber como participo desse vale-cultura, gostaria de mas informações sobre o programa, achei uma grande ideia.
    Obrigado

    RESPOSTA: o benefício será concedido prioritariamente aos trabalhadores com carteira assinada que ganham até cinco salários mínimos. Enfatizamos que não é possível a inscrição ou o cadastro no Vale-Cultura pelo próprio trabalhador. A empresa contratante é que fará a adesão, beneficiando uma parcela considerável da população, aproximadamente 17 milhões de trabalhadores brasileiros.

  • Lucas Viana

    26 de março de 2013

    Eu gostaria de saber como faco para me inscrever nesse programa.
    Muito Obrigado.

    RESPOSTA: não é possível a inscrição ou o cadastro no Vale-Cultura pelo próprio trabalhador. A empresa contratante é que fará a inclusão dos funcionários contratados com carteira assinada e que recebem até 5 salários mínimos.

  • Isabela

    26 de março de 2013

    E os estudantes?

    RESPOSTA: Isabela, a prioridade será dada aos trabalhadores que recebem até cinco salários mínimos mensais.

  • Jean

    26 de março de 2013

    Olá, gostaria de usar o vale em Games e demais produtos culturais digitais, é possivel?

    RESPOSTA: o decreto de regulamentação será publicado nos próximos dias. Na sequência, o MinC baixará portaria para estabelecer as regras para sua utilização.

  • VANESSA

    25 de março de 2013

    Acho maravilhoso, nunca tive condições financeiras para ter estes acessos, agora houvi falar de tv a cabo e internet tbm.. isso é verdade?!

    RESPOSTA: o MinC ainda vai baixar portaria com as orientações para uso do Vale.

  • Thaíze

    25 de março de 2013

    Seria ótimo se esse vale beneficiasse, no minímo, o estudantes do ensino superior público do Brasil. Principalmente na compra de livros!!!! Quer cultura melhor?

  • Iara müller

    25 de março de 2013

    Olá!
    Sou do Departamento de cultura e Turismo do município de Lagoa dos Três Cantos/Rs e gostaria de perguntar quanto aos servidores públicos que ganham menos de 5 salários mínimos, eles também terão direito ao vale-cultura?
    Eles não possuem carteitra de trabalho assinada, pois possuem regime próprio de previdência. Como fica essa parte da população????
    aguardo retorno…
    Obrigada
    Iara Müller

    RESPOSTA: o Vale Cultura é destinado a trabalhadores contratados com carteira assinada.

  • Douglas

    25 de março de 2013

    Também deve estar incluso estudantes, para a compra de livros e materiais didáticos…

  • Irineide Figueredo da Silva

    25 de março de 2013

    Sou funcionaria Publica da Prefeitura de Ibititá, ñão sou concursada nesta aria, mas trabalho com cultura ou sejá a ums três anos com Cine Mais Cultura e na Biblioteca Municipal. gostaria de saber se posso receber benefício de R$ 50 por mês para o consumo de produtos culturais.

    RESPOSTA: se você é contratada com carteira assinada, sim.

  • Irineide Figueredo da Silva

    25 de março de 2013

    Fico muito feliz em saber que O Vale-Cultura poderá ser utilizado, por exemplo, em cinemas ou teatros e na aquisição de livros, pois trabalho em uma Biblioteca Pública e com Cine Mais Cultura e a falta de recursos para que se desenvolva de forma melhoor os progetos é muito grande, muita vezes tiramos do nosso proprio bolso para realizar algumas ações, com o apoio do governo a cultura chegar as cidades de forma mais organizada e de melhor qualidades proposionado a população Cultura e lazer com mais conforto e organização.

    Irineide Figueredo da Silva.

  • rubia

    24 de março de 2013

    gostaria de saber se o 1% usado pela empresa no imposto devido impede a empresa de usar outros percentuais em outros programas – Lei Rouanet, etc

    RESPONDA: O percentual relacionado ao Vale Cultura não competirá com o percentual a ser abatido no imposto de renda quanto a outros programas de incentivo fiscal como a Lei Rouanet.

  • thiago

    23 de março de 2013

    Bom dia, gostaria de saber se quadrinhos também estão incluídos no vale cultura, pois temos muitos autores nacionais reconhecidos internacionalmente como Maurício de Souza, Ziraldo, Gabriel Ba e Fábio Moon que deveriam ter suas obras ao alcance da população.

    RESPOSTA: Thiago, o MinC está acolhendo sugestões. Somos gratos pela sua contribuição.

  • DELZA JULIA TONIN

    22 de março de 2013

    adorei a ideia do vale-cultura. Isso dá oportunidades àqueles que vivem mais afastados das linguagens artísticas visuais, um meio de conhecer e aprimorar a Arte como um todo e valorizá-la.

  • Rodrigo Dal Molin

    21 de março de 2013

    Tenho uma duvida, o vale cultura atenderá a empregados de empresa que pagam imposto de renda em qualquer modalidde? Lucro real e presumido? Sendo descontado do imposto de renda, os funcionários de empresas sem fins lucrativos (isentas de IR) estão exclídos do benefício? E outro ponto, o vale cultura será em forma de dinheiro de pla´stico (cartão debito/credito), e as bandeiras dos cartões ou operadoras de máquinas vão ficar com 6% do volume? Esta ulstima, pois trabalho em um teatro que nao opera cartõe por conta deste desconto, o vale cultura prevê alguma isenção de dedução ou ao menos redução deste custo operacional, pois se nao houver nenhuma regulamentação especifica nao serão 50,00 e sim 47,00 destinados a cultura. Espero ter contribuido na reflexao, At Rodrigo Dal Molin

    RESPOSTA: Rodrigo, neste momento, o vale-cultura está na fase final de regulamentação. Essas questões estão sendo discutidas e analisadas pela comissão.

  • Laercio Juarez

    21 de março de 2013

    Os aposentados podem ter o beneficio?
    Se não, qual o motivo?

    RESPOSTA: aposentados não serão beneficiados com o Vale Cultura neste primeiro momento. Serão priorizados os trabalhadores que recebem até cinco salários mínimos.

  • ezequias

    21 de março de 2013

    Como terei acesso à esse benefício (sou Agente de Saúde e tenho a Carteira de Trabalho assinada)

    RESPOSTA: a empresa contratante e que aderir ao Vale Cultura, fará a inclusão dos funcionários.

  • Sidinei Carvalho

    21 de março de 2013

    Como será calculado o desconto para quem ganha acima de 5 salários mínimos?

    RESPOSTA: o benefício do Vale Cultura é para trabalhadores que recebem até 5 salários mínimos.

  • Jean

    20 de março de 2013

    O Vale Cultura é uma ótima ideia! Mas queríamos que a senhora Marta Suplicy adicionasse os Games no vale cultura! Pois Vídeo-Games são cultura sim, desde crianças jogamos jogos que marcaram nossas vidas, e isso é uma boa saída para os impostos de jogos no Brasil! EX: Pagamos cerca de 180 REAIS em um jogo devido a impostos, mas com o Vale Cultura poderíamos pagar apenas 130 reais! Ou menos já que o dinheiro se acumularia… Seria uma boa iniciativa do Ministério da Cultura fazer isso! Todos os milhares de jogadores do Brasil e as produtoras do mundo todo agradeceriam por isso!

  • Ailton Silva

    20 de março de 2013

    Bom Dia !

    Parabêns pela a iniciativa, como saber se a empresa que eu trabalho, se cadastrou no projeto?
    Posso deixar aqui uma opinião acho eu que poderia também fazer parte do vale-cultura acesso a tv a cabo.

    RESPOSTA: as empresas ainda não podem fazer o cadastro porque o Vale está em fase de regulamentação.

  • JORGE LUIS DIAS RESTES

    20 de março de 2013

    É MARAVILHO ESSE INCENTIVO CULTURAL, O QUE DEVERIA APRIMORAR SÃO OS PROFISSIONAIS QUE NÃO TRABALHAM COM FINS LUCRATIVOS MAS ,TRABALHAM INCANSAVELMENTE PELA CULTURA DE NOSSO PAIS SEREM VISTOS E RENUMERADO PELO MINISTÉRIO DA CULTURA, COM UM VALE DE INCENTIVO CULTURAL.

  • Davi

    19 de março de 2013

    DEVERIAM É BAIXAR OS PREÇOS,AÍ SIM SERIA UMA GRANDE INICIATIVA PARA COMPRAR LIVROS…

  • cultura

    19 de março de 2013

    Boa tarde

    Gostaria de saber maiores informações a respeito do vale Cultura. Por exemplo quais os procedimentos para ser comtemplado? onde e como fazer para poder receber?

    RESPOSTA: não é possível a inscrição ou o cadastro no Vale-Cultura pelo próprio trabalhador. A empresa contratante é que fará a adesão dos funcionários contratados com carteira assinada e que recebem até 5 salários mínimos.

  • Marcos

    18 de março de 2013

    Acho o vale cultura uma bela iniciativa do governo. Mas eu ainda não entendo o por quê da exclusão dos jovens e estudantes. Eu espero que o programa seja reavaliado e que ampare também a nós, estudantes.

  • LUCIANA

    18 de março de 2013

    BOA TARDE!

    PARABÊNS AO MINISTÉRIO DA CULTURA.

    SERIA IMPORTANTE ESTENDER ESSE VALE PARA OS CURSOS RELACIONADOS A CULTURA.

    OBRIGADA!

  • ana@ig.com.br

    18 de março de 2013

    Duvido que as empresas vão querer adirir, mesmo tendo beneficio no imposto de renda, se duvidar vão querer descontar o valor integral.

  • Laurino

    18 de março de 2013

    Seria interessante o uso o vale via internet, uma vez que nem todo o lugar do Brasil dispõe de livraria, teatro, cinema ou outro meio de utulização do vale cultura, podendo por exemplo comprar livros pela internet o beneficio atingiria o país por inteiro.